sexta-feira, 8 de janeiro de 2010

Sexta! Beleza de dia!

Fico me perguntando todo dia o porque venho pra porto alegre, (sim! com letra minuscula, de propósito! De braba! uia!).
Puta que me pariu. Lugar fedorento, cheio e barulhento. Um verdadeiro saco!
Aliado ao meu mau humor matinal (lembrando que só consigo acordar mesmo, depois das 10horas, de uma Coca Cola e de ler alguma coisa... chego no escritório e vou acordando até pegar no tranco.)

Mas fazer o que. É o meu desafio matinal.

Falando nisso... (em desafio...)
Atravessei a Brambila, (sim eu sei nome estranho, mas é a avenida próxima a minha humilde residência) com a Manu dormindo no colo, duas sacolas, mochila da escolinha, bolsa, uma garrafinha Pet de Coca Cola  e salto! Sim! Salto! Imite-me, se for capaz, ou jamais faça esta peripécia se for possível  e adorar seus pés.

Já no direto, rumo ao inferno que é o centro de Poa; faço maquiagem e fico observando os postes de luz da Free Way, acho a coisa mais linda as casas dos inúmeros João de Barro junto a fiação. Deve ser ruim e barulhento morar acima de trânsito tão intenso, mas antes barulho de motor que barulho de gente enchendo o saco. Sábio o Jão de Barro. Muito sábio.

Bom... to bisbilhotando a net porqie o pessoal ainda não chegou aqui. É nosso cansarivo dia inicia só as nove e meia... sempre chego antes, nada de ser pontual ou de ser exemplo, longe disso... é pra dar tempo de acordar mesmo e mandar embora minha cara de sono antes do pessoal chegar.

Acordei mega cedo, com duas bolitas verdes me olhando. Dei um sorriso meio boca e disse oi.
Recebi um "adoro tua cara de sono" Beijo na bochecha, na ponta do nariz e "Até a noite".
Tô trabalhando demais. Ou dormindo de menos.
Vao saber...
Bom... beijo a todos que o dia seja literalmente mega bom.
Um findi mais que positivo, (vou descançar finalmente!... eu acho!) e paz, muita paz!

"Nada de ser pessimista, a moral é confiar na gente, no que se deseja. E ai, tudo pode acontecer!"

Ah.. como eu sei que vou receber a visita do Silvestre aqui... Caraca eu amo tudo oq ue tu escreve, sua mala, meu zebu preferido! De coração.... saudade de ti, véio!
 :P (acho que alguém vai comentar.. rsrsrsrs)

**Bju fui...

2 comentários:

Silvestre Silva Santos disse...

Pois é... Me chama de zebu e de véio e diz que me ama... Ou melhor, ama o que eu escrevo... Amar a mim seria demais mesmo... Mas, enfim, visito teu blog sempre que posso por um pequeno detalhe: gosto da tua espontaneidade. Adoro a forma como tu vai fazendo as ideias desfilarem diante do teu teclado, transformando em textos os pensamentos mais avessos que te surgem. Falas de tudo, e de todos, com a inocência dos anjos e a sagacidade dos malvados... Por isso te visito quase todos os dias. Pena que nuna estás para me oferecer um chimarrão. Beijo.

Jéssy* disse...

Eu to passando a admirar a Josi pela criatividade dos textos...
Quem sabe não consegues mesmo tornar teu blog um livro....
Sinceramente, gostaria de ler...
Trabalhar é bom tchê!
Até eu vou trabalhar agora..hehehe...uma longa história...
Bjo